DIY – Assentando Ladrilhos Hidráulicos

Vamos colocar a mão na massa e renovar um ambiente com ladrilhos hidráulico? Já pensou que você mesmo pode fazer isso? Aqui é mais uma sessão de faça você mesmo!

Ladrilho Hidráulicos:

  • Ladrilho no tamanho 10x 10, 10×20 ou 20 x 20cm
  • Qual desenho
  • Condicionamento: Peças avulsas ou kit patchwork com 10 peças de 20x20cm

Material de acabamento:

  • Impermeabilizante para acabamento brilhante
  • Cera liquida
  • Resina oleofugante ou hidrofugante

Argamassa:

  • Para áreas internas – ACI
  • Para áreas externas – ACII
  • Para ambas as áreas – ACIII (Cada saco de 20Kg rende torno de 2 a 4 m².)

Ferramentas:

1- Desempenadeira lisa de aço            2- Desempenadeira dentada de aço.

3- Nível                                                       4- Régua de alumínio de 1m

5-  Máscara                                                6- Luvas

7- Pano                                                       8- Óculos de segurança

9- Caixa de massa                                   10- Trincha

11- Rolo de pintura

Mãos à obra?

Primeiro você aplica uma camada + ou – de 5mm de argamassa em uma área de 1m², em seguida retirar o excesso com a desempenadeira dentada.

Assente o 1° ladrilho começando pelo canto superior, posicione-o na argamassa e pressione suavemente para na trincar. Jamais bata com martelo e caso apareça sobras ou respingos, use o pano para limpar.

Faça a continuação de assentamento mantendo sempre uma junção de 2mm de junta seca entre elas e certifique-se que estejam niveladas.

Espere cerca de 12 horas para a argamassa secar e garantir a fixação.

Com a trincha seca remova a poeira, de forma delicada para não arranhar a peça.

Para aplicar a resina use a máscara, o rolo de lã e passe três demãos de resina ou cera ou impermeabilizante de acordo com o acabamento desejado, a cada 8hrs. Siga a lógica: 1° demão no sentido horizontal, 2° demão sentido vertical, 3° demão no sentido horizontal.

Espere secar por 12 horas para só depois liberar o espaço.

Dicas: Para a limpeza diária use sabão neutro e água. Use cera liquida de 15 em 15 dias.

Gostou? Vai fazer? Então me envia o resultado para que divulgar aqui.

Anúncios

Diy – 8 Passo para construir um Mini Deck de Madeira

Olá pessoal!

No Diy de hoje irei mostrar um passo-a-passo de como criar um MiniDeck na sua casa, ele serve tanto para áreas internas quanto para áreas externas.

Aconselho o uso de placas prontas de madeiras, pois elas oferecem conforto térmicos, (não esquenta no sol) e além do mais, são antiderrapantes e o resultado final é um ambiente super valorizado.

Antes de começar reveja se o local está seco e arejado e repare se o contrapiso está nivelado e limpo. 

Você vai precisar:

  1. Escolha o tamanho do material, exemplo: 10×10, 15×15, etc…
  2. Bordas de deck
  3. Verniz ou Stain específicos para decks
  4. Trena
  5. Nível
  6. Lápis
  7. Caixa com corte em angulo
  8. Serrote
  9. Furadeira
  10. Esquadro
  11. Lixa para madeira
  12. Pincel
  13. Parafusos e brocas
  14. Chave de fenda
  15. Chave Philips
  16. Massa para madeira

1234

8 passos:

  1. Preparação do minideck: Aplique a 1° demão de verniz na madeira toda, aguarde secar e depois lixe. Depois aplique mais 2 demãos esperando o tempo de secagem entre elas.
  2. Posicione toda a madeira no espaço da forma como ficará instalado, se for necessário use a serra para cortar as sobras.
  3. Coloque as bordas em torno das madeiras e marque os locais de furação nas bordas e contra piso, um furo a cada 50 cm. Se for necessário fazer cortes para os cantos das bordas use uma caixa com corte em angulo.
  4. Nos locais da marcação, fure as bordas com uma broca especifica para madeira.
  5. Fure o contra piso com uma broca especifica para o contra piso, fure-o no local entre a marcação e a madeira (+ ou – 1,5 da marcação) e  coloque as buchas.
  6. Posicione as bordas novamente e parafuse-as.
  7. Tampe os parafusos aplique massa para madeira nas junções das bordas e sobre os locais parafusados para tampar a cabeça dos parafusos. Aguarde secar.
  8. Por fim, aplique uma demão de verniz por cima dos locais que receberam a massa para madeira nas bordas, aguarde secar e decore o ambiente.

Inspirações de MiniDecks

Tudo o que você precisa saber sobre Silestone

Olá,

O Silestone é um compacto de quartzo e cristais fabricados com alta tecnologia, mediante um processo chamado Sistema de Vibrocompressão a Vácuo. A sua composição é de 95% de quartzo (o material natural mais abundante do planeta), ao qual se junta 5% de resina de poliéster como elemento aglutinante e pigmentos especiais. Tem baixa porosidade, e alto nível de resistência a impactos, ultrapassando em grande media outros produtos de aplicação similar, vai-lhe dar tranquilidade na cozinha ao lidar com todos os objetos da pesados. Deve ser limpo com esponja e produtos saponáceos, para cores claras, produtos a base de cloro.

Essa pedra é fácil de ser encontrada e é vendida em todas as marmorarias da cidade, ela está disponível em cerca de 60 cores, ou seja haverá uma cor Silestone adequada para a maioria dos estilos. Dependendo da cidade, o preço varia entre R$ 1.700 a 2.300 o metro quadrado e é um material que pode ser utilizada em ambientes internos e externos.

Inspirações com as cores mais quentes.

 

  • Silestone Azul Stellar

Quem disse que pedras são apenas para áreas molhadas e/ou área externa? Amei esse projeto integrando a cozinha, sala de jantar e sala de TV.

  • Silestone Turquesa

EU AMEI essa cor.

O Grupo Cosentino lançou no 25° aniversário da Silestone, a Acqua Fraccaroli, que foi desenvolvida por Brunete Fraccaroli, o arquiteto brasileiro de renome.

A cor lembra as belas praias azul-turquesa das Ilhas Cook, no Pacífico Sul. Sua bela e intensa verde azulado representa a natureza e transmite a sensação de bem – estar, saúde e felicidade . Esta série, exclusivo e limitado, teve um lugar especial na feira 100% Design London, que se iniciou em 23 de Setembro 2015 em Londres Olympia edifício icónico.

Os grandes arquitetos deu vida a um deisgn contemporâneo capaz de reviver qualquer espaço dando uma aura especial ao ambiente.

Acqua Fraccaroli vem apoiado pela garantia de Cosentino e uma série de certificações internacionais eles estão provando a sua qualidade: Greenguard, NSF e LGA “Higiene” .

  • Silestone Amarelo stellar

A cor amarelo já é uma paixão pessoal, esse tom usado no banheiro deixou ele mais alegre e jovial.

  • Silestone Vermelho

Para quem gosta de ousadia e sofisticação essa é uma ótima ideia, principalmente para áreas externas, apenas do design carregado é bem visível a presença da personalidade do cliente.

Na cozinha o vermelho se destaca bastante, principalmente se os moveis inferiores for preto. Uma dica que dou é usar móveis branco, pois deixa a cozinha mais suave.

  • Silestone Silver Star Purple (Roxo)

Deixa o ambiente bem feminino e muito aconchegante, essa cor é pouco utilizada por conta da dificuldade de encontra-la no mercado, mas que deixa o design único todos nós temos que concordar, não é?

  • Silestone Verde

Existe vários tons do verde, cada um mais lindo que o outro, torna o ambiente bem diferente e dá a impressão de um espaço verde.

  • Silestone Rosa (PINK)

Seria a minha cozinha dos sonhos? SIM! O preto tira o ar de ambiente infantil e deixa mais elegante.

 

Como sabemos que existe diversas variações nas cores, essa é mais um silestone rosa no banheiro.

 

 

  • Silestone Laranja

Como eu disse no inicio, silestone e outras pedras não só podem como devem ser usadas em vários ambientes e a prova disso é esse office lindo, com a mesa de silestone laranja  e detalhes de vidro. Aprovado?

 

 

 

 

 

Materiais e Revestimentos Design de Interiores

Olá pessoal,

Decidi fazer postagem semanal com o tema materiais e revestimentos, informando para que serve, qual o melhor local  para aplicar, quais as tendências, onde encontrar e muito mais.

Hoje vou começar falando sobre Pisos Laminados.

O piso laminado é revestimento para piso, porém em determinados projetos podem ser utilizado em paredes, é resistente à abrasão e uma de suas vantagens é a facilidade na hora da limpeza.

 O laminado é dividido em 4 partes; a inferior do piso que se chama Balanço, ele é responsável pela estabilização e a resistência do produto à umidade. A camada Substrato que é a parte principal do piso, pois é responsável por dar resistência a impactos e é também onde se encontra os encaixes para colocar o piso. E as duas ultimas camadas, a superior que é a estampa decorativa artificial e após vem protegida pelo overlay (resina de melamina).

Vantagens: 

  • Baixo custo: O preço do piso laminado é menor em relação ao piso de madeira;
  • Fácil limpeza: Use apenas um pano úmido para limpar a maioria das manchas;
  • Fácil instalação: As placas do piso apresentam encaixe tipo macho-fêmea, que facilitam a instalação, além de apresentarem grande firmeza. Podem ser coladas ainda para garantir a união das peças e você mesmo pode fazer.
  • Ecologicamente correto: As placas de piso laminado são compostas por compensado, da qual a maioria dos fabricantes já adotou o uso de madeira reflorestada de florestas certificadas.
  • Resistência: É recomendável usar capachos ou pequenos tapetes na entrada dos ambientes, usar rodízios de poliuretano e feltros adesivos protetores nos pés de mesa, cadeiras e móveis, são resistentes também à brasa das pontas de cigarros.

Desvantagens: 

  • Água: Poderá ocorrer o inchamento do piso caso derrame água, caso ocorra remova a água no instante da ocorrência.
  • Riscos no piso: Apesar de ser muito resistente, eles podem riscar, por isso é importante proteger os móveis.
  • Segurança: A superfície do piso laminado é tão suave que tende a ser escorregadio.